terça-feira, 9 de fevereiro de 2010

Comunidades negras rurais e quilombolas do RN

Apesar da evidência de dados sobre a presença da população africana e afro-descendente na província do Rio Grande, a historiografia não tem dado a devida atenção ao tema do negro na sociedade potiguar. Essa invisibilidade aponta para a pouca contribuição deste no processo de formação da sociedade colonial e para a pouca presença no Rio Grande do Norte bem como para a chegada tardia de escravos ao estado.


Levantamento realizado e apresentado no livro Jatobá, ancestralidade negra e identidade (Assunção, 2009), apontam um significativo número de comunidades negras rurais no Estado – cerca de 60. Deste total, 15 receberam o certificado de reconhecimento como comunidade quilombola pela Fundação Cultural Palmares e 6 tem processo aberto no INCRA/RN com fins de demarcação e titulação das terras ocupadas.

4 comentários:

  1. Prezado Luiz,
    Em primeiro lugar parabéns pelo blog. Meu nome é Robson Coelho e sou professor da Escola Agrícola de Jundiaí-UFRN, e estou compondo um projeto, que versa sobre Mapeamento da cultura alimentar da população brasileira, sendo que nosso pensamento é focar a ação nos quilombolas do município de Macaíba. Assim necessito de algumas informações sobre estes quilombolas. Se você possuir algumas por favor me contate no e-mail: robcoe@ufrnet.br. Obrigado

    ResponderExcluir
  2. Prezado Professor,parabéns pelo blog!

    Sou aluna do Curso de Especialização em Sáude Pública da UVA com graduação em Ciências Sociais - Sociologia pela UFRN. Eu e mais três colegas pretendemos fazer a nossa monografia como o tema Comunidades quilombolas: Hipertensão em negros um assunto pouco explorado apesar da prevalência ser maior em negros (eu); Stress (Helena-Psicóloga; envolvimentos no nascimento (Ednilza-Pedagoga). Para isso precisamos de informações e dicas de bibliografia. Contamos com a sua ajuda.
    Lucilda Tavares e-mail: canguleira@yahoo.com.br

    ResponderExcluir
  3. Prezado professor,
    Somos alunas do curso de Especialização em Saúde Pública e pretendemos fazer nossa monografia na Comunidade Quilombola de Santo Antonio do Salto da Onça com os assuntos hipertensão (Lucilda-socióloga), stress( Helena- Psicóloga) e envolvimento no nascimento (Ednilza-pedagoga.
    Para isso precisamos de dicas de bibliografias e materiais. Gostaríamos de contar com a sua ajuda. Não temos ainda orientadores

    ResponderExcluir