sábado, 15 de maio de 2010

Guia dos terreiros de umbanda do RN - 1985

Em 1985 a Fundação José Augusto/Centro de Documentação Cultural (Natal-RN) organizou, a partir de levantamento feito na Federação de Umbanda e Candomblé do RN, o “Guia dos terreiros de umbanda do RN”. O referido documento apresenta os seguintes dados quantitativos, na relação terreiros por região na cidade de Natal:


Região Sul - 35

Região Oeste - 79

Região Leste - 149

Região Norte - 33

Total - 296


Comparando estes números com dados mais recentes, podemos fazer algumas observações:


- Cresce o número de terreiros na região da zona norte e diminuem nas demais regiões;


- O maior índice de números de terreiros se concentrava no bairro das Quintas, com um total de 53 terreiros;


- O bairro do Alecrim, provavelmente decorrente da melhoria nos serviços de infra-estrutura urbana, diminui consideravelmente o número de terreiros, passando de 20 para em torno de 02;


- O bairro de Potengi (zona norte) que na época do levantamento (1985) apresentava 02 terreiros, atualmente tem em torno de 40 terreiros;

12 comentários:

  1. Adorei o blog, é muito completo. Mas e pra quem quer frequentar a religião? Não consigo encontrar em lugar nenhum da internet endereços atualizados das casas de Natal... dá um desânimo.

    ResponderExcluir
  2. Quanta futilidade numa página só... kkkkkk. Meu Deus, haja tempo livre pra se dedicar a isso... affff!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. e ainda vem um leso ou lesa pra falar leseira preconceituosa cada um tem sua religião.

      Excluir
    2. Por gentileza, não menospreze a religião alheia.

      Excluir
  3. "Futilidade" são pessoas iguais à vc, que não sabem respeitar as crenças alheias. Se o tema do blog não lhe interessa, então é vc que está perdendo seu tempo desrespeitando os demais. Seja vc quem for, por gentileza, poupe-nos de seus comentários medíocres. Nem o mundo, e nem a internet, precisam de pessoas pequenas e levianas como vc. Grato.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Gostei de sua resposta para a pessoa ignorante que está criticando a religião dos outros. Não tenho nenhuma religião, mas respeito as dos outros, principalmente as afro-brasileiras. Ninguém deve dar a mínima a pessoas assim.

      Excluir
  4. Gostaria de saber onde encontro informações sobre a localização desses terreiros...Grata

    ResponderExcluir
  5. no bairro das rocas tem quantos?

    ResponderExcluir
  6. eu gostaria de saber o endereços dos centros na zona norte

    ResponderExcluir
  7. Não sou uma pessoa preconceituosa, sinto até curiozidade em relação relção as religiões afros, mas tenho um certo receio, no que diz respeito a essa publicação da tribuna do norte, onde afirma haver sacrifício de animais, não parece muito divino, aí está parte da publicação: Os cultos duram no máximo duas horas. Dependendo da entidade e do terreiro também pode haver sacrifício de animais e o uso de bebida alcoólica. “A religião veio traçando suas linhas ao longo do tempo, deixou suas sementes e cada um segue o seu caminho, utilizando o seu livre arbítrio”, explicou Edilzenira de Paula Cabral.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Você é vegetariano ? O sacrifício é para todos se alimentarem da carne do animal !

      Excluir
  8. Quero o telefone do centro pra saber os dias de funcionamento!! Alguém pode me informar?? Meu email é: ahblili1@gmail.com

    Agradecida

    ResponderExcluir