domingo, 20 de junho de 2010

Morre Dona Militana


Faleceu neste sábado (19), a romanceira Dona Militana.


Considerada pelos estudiosos como a mais importante romanceira do Brasil, Militana Salustino do Nascimento era natural do município de São Gonçalo do Amarante-RN, nascida na comunidade do Oiteiro, no dia 19 de março de 1925.


Como ela gostava de dizer, o dom do canto foi herança do pai, Atanásio Salustino do Nascimento, brincante de folclore no município. Memorizava os cantos cantados pelo pai. São romances originários da cultura medieval e ibérica e narram os feitos dos guerreiros, como contam histórias de reis e princesas.


Em 2002 o Scriptorim Candinha Bezerra e a Fundação Hélio Galvão produziram o álbum triplo Cantares com a gravação dos principais romances cantados pela romanceira.


Em 2005 recebeu do Presidente Lula a Medalha da Ordem do Mérito Cultural (Ministério da Cultura) a mais importante Comenda de Cultura Popular do Brasil.




Um comentário:

  1. Notícia triste. Mas, que bom que pelo menos ela chegou, ao contrário de outros artistas populares, a alcançar reconhecimento em vida. E será lembrada, sua obra continuará a ser estudada, cantada. Isso é o que importa enfatizar agora.

    ResponderExcluir