sábado, 11 de setembro de 2010

Omulu, Obaluaê


Omulu é o Orixá da varíola e das doenças epidêmicas em geral. Seu caráter é temível, pois, não sendo bem cultuado, pode ser encolerizar e distribuir doenças mortais. É, por isso, considerado muito perigoso, sendo muito respeitado. Segundo a mitologia, seria filho de Nanã e filho adotivo de Yemanjá que o teria cuidado e curado, quando pequeno, da varíola que lhe deixou marcas (por isso oculta o rosto e o corpo com palha, bem como pelo fato de representar o terrível mistério da morte e renascimento).


Símbolo: lança de ferro, miniatura, em vasilha de barro, no dendê, junto ao otá.


Insígnia: xaxará de piassava, com palha da Costa e búzios, que ele segura quando dança.


Indumentária: geralmente saia preta e branca, ou combinações de vermelho, preto e branco, amarelo e azul. Saiote e filá de palha da Costa, com búzios.

Contas: brancas e pretas, alternadas, ou laguidibá. Dois barajás de búzios, com adô.


Dia: segunda-feira.


Festa: geralmente em agosto.


Comidas: pipocas (sem sal), latipá, aberém, feijão preto e fradinho.


Saudação: Atotô!

4 comentários:

  1. Uma safra de ótimos posts. Muito bom aprender um pouco mais por aqui.

    ResponderExcluir
  2. zambi n'quatensá "obrigado" professor luiz assunção por mais esta oportunidade sobre nosso benguê e que tatêto kaviungo possa cubrir e proteger a todos nós!!!

    ResponderExcluir
  3. Aruê Tatêto Kaviungo, que o senhor cubra a todos nós com suas palhas, Parabéns a todos que fazem prate desta linda e grande familia "N'gola D'janga"

    Ass. Thalita

    ResponderExcluir
  4. Que coisa linda é o Candomblé - Parabens ao Tata Kassulupongo por conduzir tão bem a Casa do Benguê Ngola Djanga Ria Lembaranganga. Magna Natal-RN

    ResponderExcluir