quarta-feira, 12 de janeiro de 2011

Kátia Mattoso

Autora de obras como Bahia: a cidade de Salvador e seu mercado no século XIX (1978), Ser Escravo no Brasil (1982) e Bahia, Século XIX – Uma Província no Império (1992), a Profª Dra. Kátia de Queirós Mattoso faleceu na manhã desta terça-feira, dia 11 de janeiro, em Paris, França, aos 78 anos.

Na Bahia foi professora da Universidade Federal da Bahia e Universidade Católica do Salvador. Professora titular de História do Brasil na Universidade de Paris IV – Sorbonne, da qual, após sua aposentadoria, recebeu o título de Professora Emérita.

Doutora Honoris Causa pela UFBA teve papel fundamental na formação de diversos professores e pesquisadores, por mais de uma geração, sendo inestimável sua contribuição para os estudos históricos, especialmente na história social da escravidão no Brasil. Da UFRN recebeu a professora Denise Monteiro (Departamento de História) para bolsa sandwiche de doutorado em Paris quando a mesma desenvolvia sua tese sobre as atividades da Casa Exportadora Boris Fères (exportação do algodão) no Nordeste.

Nenhum comentário:

Postar um comentário