sexta-feira, 11 de fevereiro de 2011

Intolerância religiosa

A Rede Mandacaru – RN divulgou caso de intolerância religiosa, ocorrido esta semana, na cidade de Natal-RN. Trata-se da agressão verbal, física e moral de que foi vítima a Yalorixá Jane de Yemanjá (Maria Janeildes dos S. Silva), sacerdotisa da nação Jeje, residente no bairro de Nova Descoberta.

Quando caminhava por uma das ruas do bairro, Mãe Jane foi abordada por um senhor, portando uma bíblia, que ao anunciar “ser a palavra de Deus”, agrediu-a, jogando o livro sobre seu corpo, cabeça e rosto, gritando para todos que “vou mandar o diabo de volta para o inferno”.

Após a interferência de algumas pessoas que passavam pelo local, Mãe Jane procurou a delegacia de plantão, fazendo o registro em boletim de ocorrência (BO) na Delegacia do Bairro de Lagoa Nova – 5ª DP.

Nenhum comentário:

Postar um comentário