segunda-feira, 3 de fevereiro de 2014

Morre Eduardo Coutinho



O cineasta Eduardo Coutinho, 80 anos, faleceu neste domingo, dia 02 de fevereiro, em sua residência no Rio de Janeiro.  Paulista, considerado um dos principais documentarista do país, deixa importantes trabalhos em que traduz o cotidiano de pessoas comuns, a complexidade e a beleza de suas existências. Na sua filmografia constam produções como: “Cabra marcado para morrer”, “Edifício Master”, “Fio da memória”, “Santo Forte”, entre outros. 

Em 2007, o cineasta ganhou um Kikito de Cristal, principal premiação do cinema brasileiro, pelo conjunto da obra. Em 2013 foi o Grande homenageado da Mostra Internacional de Cinema de São Paulo.

Nenhum comentário:

Postar um comentário