segunda-feira, 10 de março de 2014

Iemanjá


Nesta semana que passou a imprensa natalense noticiou os atos de destruição da imagem de Iemanjá localizada na praia do Meio e tradicional recanto de eventos das comunidades de terreiros da cidade, principalmente a festa de Iemanjá, que acontece na passagem de ano novo.

Os atos praticados contra uma imagem cultuada por adeptos e simpatizantes de uma religião torna pública a intolerância existente na sociedade brasileira no que se refere de modo geral à cultura afro-brasileira. Os atentados particulares ou casos isolados aos terreiros e a determinados indivíduos, agora ganha à dimensão pública.

É necessário que as autoridades e órgãos públicos tomem as devidas providências para coibir esse tipo de ato que fere um princípio constitucional e o direito do cidadão exercer sua cidadania.  
 
 
Foto de Adriano Abreu publicada no Jornal Tribuna do Norte (Natal, RN).

Nenhum comentário:

Postar um comentário