sábado, 17 de dezembro de 2016

África Brasil


O Seminário Internacional África Brasil: cultura, fluxos, cidadania, promovido pelo Programa de Pós-Graduação em Antropologia e Grupo de Estudos Culturas populares da UFRN, foi realizado no período de 22 a 24 de novembro, no Centro de Ciências Humanas, Letras e Artes da UFRN, com a presença de um significativo público formado por alunos, professores, membros das comunidades de terreiro e demais interessados na temática.
A programação constou de uma exposição – Um mundo narrado em imagens, com desenhos de Ana Luiza de Souza Freitas, fotografias de Luisa Medeiros (alunas do curso de Comunicação Social) e pinturas de Leandro Paz, membro do Ilê Ilé-Ifé Axé Obaluaiyê.  
A conferência de abertura foi proferida pela professora Dra. Stefania Capone (EHESS-CNRS, Paris – França) e contou com a apresentação musical de Marcelo de Oxolá, que cantou pontos de abertura para orixás.
Na sequência do evento, foram realizadas mesas redondas com as seguintes temáticas: Vozes múltiplas: personagens e contextos na literatura africana; Espaço público e cidadania; Práticas religiosas, memória, conflitos; Cinema africano.
Na última noite, foi projetado e em seguida um debate sobre o filme “Aprender a ler para ensinar meus camaradas”, uma produção Brasil-Angola (2013), direção de João Guerra.

Nenhum comentário:

Postar um comentário