terça-feira, 19 de março de 2013

segunda-feira, 18 de março de 2013

Culturas populares


“Culturas populares, velhas e novas questões” é o nome do Curso que estarei ministrando nas pós-graduação de ciências sociais e antropologia da UFRN. O Curso, iniciado hoje a tarde, tem como proposta oferecer uma séie de leituras que possibilite uma reflexão conceitual sobre a temática a partir de uma perspectiva que recupere as discussões clássicas e o processo sócio-histórico dessa reflexões, como as abordagens elaboradas para pensar questões que se constituem no mundo contemporâneo.

 

sábado, 16 de março de 2013

“Liberdade não é só ganhar. É aprender a perder”

Na entrevista publicada recentemente na Revista Eletrônica ComCiência, o filósofo Renato Janine Ribeiro, professor titular de ética e filosofia política na Universidade de São Paulo (USP), mestre em filosofia pela Universidade Paris 1 (Sorbonne) e doutor em filosofia pela Universidade de São Paulo, traça um panorama dessa abrangente questão – a liberdade. Ele dedica suas pesquisas à análise de temas como filosofia política, natureza teatral da representação política, dificuldades na construção da democracia e cultura política brasileira.

A liberdade de escolha acaba sendo delimitada, então, fortemente pelos padrões culturais?

Ribeiro – Certamente. É difícil superar os limites de sua cultura. Mas é importante tentar, pelo menos. Se ficarmos confinados em nossos limites, os homens não aceitarão os direitos das mulheres; os brancos, os dos negros; os heterossexuais, os dos homossexuais. Na verdade, nem compreenderemos como são os diferentes de nós.

A entrevista completa pode ser lida no site:

Babá Marcelo Galvão

Babá Marcelo Galvão (Natal-RN) declarou recentemente na rede social que ten recebido ataques de evangélicos inbox pela oposição que faz ao Pastor Marcos Feliciano.

Em sua página no faecebook, escreveu:
“NÃO TENHO MEDO.
Como diz na Jurema:
Se ele é bom na faca, eu sou no facão
Se ele é bom na reza, eu na oração”.

quarta-feira, 13 de março de 2013

Babá Melqui

Sou muito grato pela mensagem enviada por meu amigo Babá Melqui. Gostaria de compartilhar com todos voces e dizer do respeito e amizade que tenho por Babá e toda sua comunidade religiosa.

Professor Luiz Assunção persona grata não só no Ilá Àse Dajo Oba Ogodo mas em todo o espaço religioso de matriz africana do nosso estado e desse imenso Brasil. O Senhor é sempre muito bem vindo em nossa comunidade, foi para nós um momento muito gratificante compartilhar com o senhor de momentos tão agradáveis e importantes para nossa comunidade.
Um forte Abraço!
Mestre Melqui Jurema – Natal – RN, em 12 de março de 2013.

Paulo Roberto Santos da Silva: voce é o membro seguidor do Blog de número 150.

Seja bem vindo!
Vamos todos contribuir para a divulgação do Blog e aumentar o acesso de leitores.

domingo, 10 de março de 2013

Noite de consagração na jurema

Ontem a noite aconteceu o ritual de consagração de Ferdinando numa mesa de jurema, sob a responsabilidade de Pai Freitas e tendo como cenário o terreiro de Pai Aurino, localizado no bairro de Cidade Nova, em Natal - RN. A cerimônia contou com a participação de um grande público, composto principalmente por seus amigos e irmãos da religião, como também a presença de outros pais de santo do universo juremeiro em Natal, entre eles: Pai Aurino, Pai Claudinho, Pai Eduardo e Pai Cleone Guedes.  








 

Fora Feliciano!

Um deputado conhecido por opiniões racistas e homofóbicas assumiu a liderança da Comissão de Direitos Humanos e Minorias na Câmara dos Deputados.

Imediata destituição do Pr. Marco Feliciano da Presidência da Comissão de Direitos Humanos da Câmara Federal. Toda pessoa que se junta a esta campanha aumenta nossa força de ação.

Por favor, separe um minuto para compartilhar este link com todos que você conhece:

http://www.avaaz.org/po/petition/Imediata_destituicao_do_Pr_Marco_Feliciano_da_Presidencia_da_Comissao_de_Direitos_Humanos_da_Camara_Federal/?tCTMcbb

 Se aumentarmos a pressão, poderemos impedir este insulto!

sábado, 9 de março de 2013

OBALUAIÊ

No próximo dia 20 de março, às 14 horas, Violeta Holanda apresenta sua tese em Ciências Sociais, “OBALUAIÊ: Um estudo sobre práticas de saúde no convívio com o HIV/Aids em terreiros de Umbanda na cidade de Fortaleza-Ceará”.
Professores que participam da Banca Examinadora: Prof. Dr. Antônio George Lopes Paulino (UFC), Profa. Dra. Irene de Araújo van den Berg Silva (UERN), Profa. Dra. Maria Lúcia Bastos Alves (UFRN) e Profa. Dra. Vânia de Vasconcelos Gico (UFRN). 

RESUMO: A tradição e a vivência nos espaços dos terreiros de matrizes africanas revelam o quão dinâmico é a reprodução e troca de saberes e conhecimento que, através de sua visão de mundo, revelam formas de lidar com a saúde e a doença. Os terreiros constituem territórios ricos, culturalmente, em que pessoas moldam concepções, práticas e crenças a respeito da saúde, das enfermidades e das formas de cura, repassados de geração a geração, através da oralidade. Com o advento do HIV/Aids a partir dos anos 80, um novo desafio se estabelece na comunidade dos terreiros e nas trajetórias individuais das pessoas afetadas pela doença que desde idade tenra participam dessa prática religiosa. O objetivo desta pesquisa é a análise sobre as práticas religiosas e de saúde no convívio com o HIV/Aids em terreiros de Umbanda na cidade de Fortaleza-Ceará, considerando a (re)produção do estigma em meio aos dramas sociais vivenciados pela comunidade em questão. Durante a investigação foram adotados dois parâmetros fundamentais: primeiro, que considera a compreensão da reprodução do estigma (ou da identidade deteriorada) em relação ao HIV/Aids em sua dimensão sócio-histórica, e seus efeitos no contexto investigado (GOFFMAN, 1988). E segundo, que se refere à criação e reprodução dos dramas sociais, enquanto experiência social realizada através do aprendizado, manuseio e atuação dos símbolos, que se reproduz em quatro fases: ruptura, crise, ação corretiva e reintegração (TURNER, 1971).

Dia: 20 de março de 2013
Horáio: 14 horas
Local: UFRN - Setor de Aulas II - Sala C5 (Auditório de Antropologia)
 

Dia Nacional da Poesia

O poeta Thiago de Mello participa em Natal da programação do Dia Nacional da Poesia, 14 de março (quinta-feria). Thiago de Mello será recebido pelo poeta potiguar Paulo de Tarso Correia de Melo para uma sessão de declamações.  Na programação organizada pela Fundação Capitania das Artes teremos no horário da manhã um encontro com o poeta compositor Lirinha (líder do grupo Cordel do Fogo Encantado).